24/02/2016 00:13 - Atualizado em 24/02/2016 00:16

2016, Ano de Eleições Municipais.

 

Arapiraca, não diferentemente de outras tantas cidades brasileiras está vivendo uma espécie de guerra em bastidores políticos partidários.
Desde o ano passado que a oposição tenta unir forças políticas para vencer as eleições desse ano, já que a Prefeita Célia Rocha é “famosa” na sua invencibilidade política.


No entanto, a oposição, liderada pelo Ex-Deputado Rogério Teófilo e compartilhada pelo Deputado Estadual Tarcizo Freire, os empresários Ricardo Barreto e Adoniran Guerra, a Vereadora Aurélia Fernandes e, também o ex-Deputado Estadual e ex-Superintendente da SUDENE Elionaldo Magalhães fazem reuniões semanal para defender a união das oposições e definir um único nome capaz de vencer a “invencível” Célia Rocha.

No decorrer dos encontros os políticos da oposição se conscientizam, ainda mais, que, somente vencerão as eleições se a união fizer a força. Quanto mais a oposição rachar em grupos diferentes, maior a probabilidade da “invencível” Célia Rocha continuar liderando o pódio e ser mais uma vez eleita Prefeita de Arapiraca.

A oposição inteligentemente está pensando, discutindo e trabalhando as políticas públicas que possibilitem o retorno ao crescimento e o desenvolvimento de Arapiraca “Terra de Manoel André” e, também da grande Região para em seguida discutir o “nome do homem, ou da mulher” que deverá em bloco rumar para a vitória.

Qualquer quer seja o candidato a Prefeito de Arapiraca, este, deverá lembrar sempre, que, além dos 240 mil habitantes de Arapiraca, existem mais 700 mil em seu entorno, que merecem, também, uma grande atenção, do contrário, melhor não ser.

Já se fala em Rodrigo Cunha, Deputado Estadual, filho da saudosa Ceci Cunha, nada certo. Mas, é certamente uma alternativa.