Notícias / Esporte


Imprimir notícia

08/04/2018 18:56 - Atualizado em 08/04/2018 18:58

Botafogo marca nos acréscimos, bate Vasco nos pênaltis

 

De forma dramática, o Botafogo venceu o Vasco por 1 a 0 no tempo normal e por 4 a 3 nos pênaltis e ficou com o título carioca depois de cinco anos diante de um Maracanã lotado neste domingo (8).

O capitão Carli, que fez o gol do triunfo aos 49 minutos do segundo tempo depois de muita pressão botafoguense (que atuou com um a mais desde os 36 do primeiro tempo), e Gatito Fernández, que defendeu as cobranças de Werley e Henrique, foram os heróis da conquista do time do técnico Alberto Valentim, que havia perdido o jogo de ida por 3 a 2.

Este é o 21º título botafoguense na história do torneio. O Flamengo é o maior campeão, com 34, seguido de Fluminense, com 31, e Vasco, com 24.

O Botafogo tem pouco tempo para comemorar o título. Nesta quinta-feira, a equioe vai ao Chile enfrentar o Audax pela Copa Sul-Americana. No dia 16, segunda, o compromisso será pelo Campeonato Brasileiro - estreia contra o Palmeiras no Engenhão. O Vasco tem a semana livre antes de receber o Atlético-MG domingo na estreia no torneio nacional.

O melhor: Gatito, de novo

Carli fez o gol que levou a disputa para os pênaltis, é verdade. Mas Gatito mais uma vez se afirma como um ídolo botafoguense e um exímio pegador de pênaltis. Ele acertou o canto na maioria das cobranças e defendeu os chutes de Werley e Henrique.

O pior: Fabrício é expulso e muda o jogo

Vasco e Botafogo faziam um jogo equilibrado - o que agradava aos cruzmaltinos, com a vantagem da ida, até os 36 minutos, quando Fabricio entrou duro em Luiz Fernando e levou vermelho direto, deixando a equipe de Zé Ricardo com um a menos. A partir daí, foi quase um ataque conte a defesa, principalmente na etapa complementar.

Novidades "forçadas"

Depois de muito mistério, tanto Zé Ricardo como Alberto Valentim só fizeram mudanças obrigatórias nas equipes em relação ao jogo de ida da decisão. O primeiro colocou Evander no lugar do suspenso Wellington e Henrique na vaga do lesionado Paulinho. O segundo trocou Lindoso, que também cumpriu suspensão, por Matheus Fernandes.


Uol 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.