Notícias / Esporte


Imprimir notícia

23/05/2018 05:54 - Atualizado em 23/05/2018 05:57

Complexo Tarcizo Freire conquista ll Etapa do Campeonato Alagoano de Paravôlei

 

A equipe do Complexo Multidisciplinar de Equoterapia Tarcizo Freire venceu a 2ª etapa do Campeonato Alagoano de Paravôlei 2018, no último domingo (20/05). O palco da competição foi o Ginásio de Esportes da AABB Arapiraca.

Em clima de integração, os atletas da instituição enfrentaram os times: Anthares - masculino e feminino (Maceió), e ADEFSMIC de São Miguel dos Campos. Por problemas internos, a Adefical, equipe de Campo Alegre que sediou a primeira fase do campeonato não participou.

Gilson Puríssimo, além de encontrar no esporte um novo caminho, o atleta ressalta a mudança de vida depois de conhecer o vôlei sentado no Complexo. “Tinha uma rotina monótona, vivia em casa só assistindo Televisão, não tinha ânimo pra nada. Agora, participando do paravôlei minha vida mudou totalmente para melhor. Conheço pessoas, interajo, brinco, me divirto bastante, e se Deus quiser, vamos competir em outros estados e trazer mais títulos para nossa instituição”, disse o atleta.

“O Complexo Tarcizo Freire apoia 100% o atleta paraolímpico, a ideia surgiu em 2017, com o paravôlei, atualmente a instituição disponibiliza a natação como uma modalidade para pessoas com e sem deficiência que residem em Arapiraca e cidades circunvizinhas. É um momento ímpar de promoção a saúde, bem como, de sensibilização para a prática desportiva regular e inclusiva de pessoas com deficiência”, disse Tássio Gabriel, fisioterapeuta do Complexo.

A competição
As equipes jogaram entre si. No final da primeira fase a classificação ficou: Em 1º lugar - Complexo Tarcizo Freire; 2º Anthares (masculino); 3º ADEFSMIC, e 4º Anthares - feminino.

Na fase semifinal:
Complexo Tarcizo Freire x Anthares (feminino); ADEFISMIC x Anthares (masculino).
A final foi disputada pelas equipes Anthares (masculino), e Complexo Tarcizo Freire, que levou a melhor, venceu por 2 sets a 0.

“Particularmente estou muito feliz em poder proporcionar momentos únicos para os nossos atletas. A competição é um momento ímpar na vida de cada um deles. É muito gratificante ver a evolução de todos. O esporte adaptado em Alagoas merece mais apoio, e precisa ser mais divulgado, essas pessoas que participam são exemplos de superação, garra e esforço. Sinto-me honrado em presenciar isso diariamente com os meninos do Complexo Tarcizo Freire", destacou o técnico, Ivis Pereira.

O ParaVolei é um projeto que engloba o Voleibol Sentado , para pessoas com deficiência motora e multideficiências e o Involei , direcionado para pessoas com deficiência intelectual. A modalidade chegou ao Brasil em meados dos anos 2000, ocasião em que teve Amauri Ribeiro, ex-jogador da Seleção Brasileira de Voleibol Masculino, como técnico da equipe de paravolei.



Por Assessoria  


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.