Notícias / Esporte


Imprimir notícia

09/09/2018 09:50 - Atualizado em 09/09/2018 04:51

CSA vence o Figueirense e fica a um ponto da liderança da Série B

 

O CSA tem respondido bem quando está sendo pressionado pelos rivais na Série B. Neste sábado (08), mesmo jogando fora de casa, com desfalques importantes diante do Figueirense em Florianópolis, o time marujo venceu de virada por 2 a 1 e está apenas um ponto atrás do líder Fortaleza.

A importante vitória levou o CSA aos 46 pontos, atrás do Fortaleza que perdeu para o Criciúma. Na próxima rodada a equipe alagoana joga em casa, no Estádio Rei Pelé contra o Vila Nova na terça-feira.

O JOGO – 1º TEMPO

Quando a bola rolou no Orlando Scarpelli, o Figueirense logo tratou de empurrar o CSA para o seu campo de defesa e não demorou para abrir o placar. Aos 14 minutos, bola na área azulina e o atacante Elton subiu e mandou para o fundo do gol.

Mesmo depois do gol o Figueirense seguia melhor, mas dessa vez mantendo a posse de bola. Assim, o CSA também se soltou em campo, tocava mais a bola e quando chegou efetivamente pela primeira vez, empatou o jogo.

Quando o relógio marcava 25 minutos da etapa inicial, escanteio para o CSA, a defesa do Figueirense não afastou, Leandro Souza tentou, mas quem empurrou para as redes foi Matheus Lopes. Tudo igual em Florianópolis.

O empate permitiu o equilíbrio total entre as equipes que se defendiam e atacavam na mesma proporção. Antes do final do primeiro tempo, o CSA ainda assustou em cobrança de falta. Mesmo da intermediária, Pio bateu à meia altura, a bola resvalou na defesa e quase engana o goleiro Denis, passando por cima da baliza. Placar do primeiro tempo, Figueirense 1 x 1 CSA.

2º - TEMPO

Na volta para a etapa complementar, o equilíbrio permaneceu. O CSA arriscou com Juan e o Figueira chegou perto com Elton de bicicleta, parando no goleiro Felipe Garcia e minutos depois, o goleiro Denis do Figueirense bateu falta por cima do gol.

O CSA jogava de forma inteligente, marcando bem no meio e tocando a bola no ataque, sem pressa e com qualidade. E dessa forma conseguiu a virada. Aos 31 minutos, bola na área, Pio escorou para o centro e Dawhan bateu mascado, mas o goleiro Denis falhou, bateu roupa e viu a bola caminhar para as redes. Árbitro e auxiliar não se entenderam, os dois times ficaram sem entender, mas o gol foi validado.

Nos minutos seguintes, o técnico Marcelo Cabo tirou o atacante Rubens e mandou o zagueiro Xandão, fechando o time azulino em campo. Apesar da pressão, o objetivo foi alcançado e o CSA venceu o Figueirense fora de casa por 2 a 1.


Cada Minuto  


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.