Notícias / Agreste


Imprimir notícia

16/10/2020 14:40 - Atualizado em 16/10/2020 14:46

Expulsão de Luciano Barbosa do MDB está próxima

 

A notícia que se espalha nas mídias e redes socais sobre a decisão da Dr Ana Raquel pode está sendo interpretada de forma deturpada. Na decisão ela não ver legitimidade para a ação contra Luciano Barbosa promovida por seus adversários e que está decisão é apenas o MDB, uma questão "Interna Corporis". Assim a decisão é unicamente do MDB, ato que o partido provavelmente decida expulsar Barbosa. Mas o que estão comunicando é que Barbosa já ganhou a batalha. Mesmo tendo as informações inclusas nas matérias publicadas, as manchetes e os comentários enaltecem errroniamente a vitória de Luciano. 

O Blog de José Elas afirma que as notícias que chegam de Brasília não são boas para a pretensão de Luciano Barbosa. A última informação diz que o vice pode receber punição severa da executiva nacional do MDB, por desafiar o diretório estadual de Alagoas e a Executiva Federal. Segundo os comentários no Congresso, Luciano Barbosa pode ser expulso e inviabilizar a candidatura de prefeito.

Parte da decisão da Dr. Ana Raquel:
“Noutro giro, a Lei Complementar n. 64/90 destaca em seu art. 3º que qualquer candidato, partido político, coligação ou o Ministério Público são legitimados para impugnar, fundamentadamente, registro de candidatura. Reitero, portanto, que, em se tratando de matéria interna corporis, padece a legitimidade de coligação adversária. Todavia, no tocante ao Diretório partidário, é pacífico que apenas os órgãos superiores podem impugnar registros de candidatura nas circunscrições inferiores, não se aceitando a inversão da equação. Dessa maneira, rejeito a preliminar suscitada, de modo que a ação em questão permanecerá apenas com o Diretório Estadual do MDB figurando como parte impugnante”.

Alguns dos aliados candidatos já estão abandonado Luciano Barbosa por não se sentirem seguros com a situação, aos candidatos a vereadores que fazem parte do MDB estão preocupados com o risco de não poderem concorrer as eleições municipais de 2020 por conta da rixa entre Barbosa e os Calheiros.  


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.