Notícias / Esporte


Imprimir notícia

23/05/2018 07:00 - Atualizado em 23/05/2018 07:08

Figueirense faz 4 a 1 e impõe primeira derrota do CSA no Rei Pelé

 

Embalado pela boa campanha no início da Série B do Campeonato Brasileiro, o CSA tomou um banho de água gelada na noite desta terça-feira (22). O Azulão foi goleado pelo Figueirense por 4 a 1 e sofreu a primeira derrota no Estádio Rei Pelé. O jogo valeu pela sétima rodada da Segundona. Renan Mota, Jorge Henrique, Henan e André Luis marcaram para os visitantes e Didira fez o dos alagoanos.

O Azulão permaneceu com 15 pontos, segue como vice-líder da competição, mas pode perder posições com a sequência da rodada. O Figueira chegou aos 12 pontos e pulou para a quarta colocação.

Próxima rodada
O CSA agora só entra em campo no dia 1º de junho, diante do Vila Nova, às 20h30, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, Goiás. O Figueirense pega o São Bento na próxima terça (29), às 19h15, no Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba, São Paulo.

Jogo bom
Quem foi ao estádio assistiu 45 minutos de muita intensidade. Para poupar Michel, desgastado, Marcelo Cabo entrou com Walter de primeira. O Figueira não se intimidou com a campanha azulina e apresentou as credenciais com apenas quatro minutos. Ferrareis avançou pela esquerda, cortou entre Edinho e Leandro Souza e chutou colocado. A bola explodiu na trave, voltou no pé de Renan Mota e entrou. Ferrugem respondeu e arriscou de longe no minuto seguinte e assustou Denis.

Em busca do empate, o Azulão igualou o placar aos 13'. Didira tabelou com Walter na intermediária, finalizou com categoria, a bola desviou em Nogueira e foi no ângulo. Golaço. Atento ao jogo, Henan obrigou Cajuru a defender conclusão aos 24'. No lance seguinte, Niltinho bateu de fora e Denis encaixou. Atormentando os marcadores alvinegros, Niltinho chegou pela direita, cruzou com veneno, mas Walter não alcançou a bola na segunda trave. No contra-ataque, Renan Mota levantou na área, Jorge Henrique pulou em velocidade e testou com agressividade para fora.

Goleada catarinense
Os donos da casa até assustaram no retorno do intervalo. Rafinha obrigou Denis a espalmar em cobrança violenta de falta. No escanteio, o lateral pegou sobra e por pouco não marcou. O Figueirense explorou o contra-ataque e matou a partida em poucos minutos. Aos 7', João Lucas deu bela assistência para Jorge Henrique, sozinho, mergulhar de peixinho e anotar o dele. Três minutos depois, após troca de passes na frente da defesa azulina, Henan bateu colocado e ampliou.

O CSA sentiu o golpe. Cabo trocou Walter por Michel logo depois. Só que o Figueira seguiu perigoso no contra-ataque. Cajuru defendeu falta batida por Pereira aos 17'. O Azulão atacou com Celsinho aos 23', mas ninguém chegou para alcançar o cruzamento e completar para o gol. Os treinadores mexeram nas equipes e o panorama seguiu igual, com o Alvinegro fechado e o CSA tentando achar uma brecha.

No fim, Ferrareis chutou, a bola bateu no braço de Roger na área e o árbitro marcou pênalti. André Luis deslocou Cajuru, anotou o quarto e fechou a conta no Rei Pelé. Foi a primeira derrota do Azulão em casa nesta Série B.

Ficha técnica

CSA

12- Cajuru
22- Celsinho
3- Leandro Souza
4- Roger
6- Rafinha
5- Edinho
8- Ferrugem (11- Hugo Cabral, aos 29' do 2º tempo)
7- Niltinho
10- Daniel Costa (16- Taiberson, aos 36' do 2º tempo)
19- Didira
18- Walter (9- Michel, aos 15' do 2º tempo)

Técnico: Marcelo Cabo

Banco: 31- Mota, 9- Michel, 11- Hugo Cabral, 13- Boquita, 14- Dawhan, 15- Yuri, 16- Taiberson, 17- Echeverría e 20- Pingo.

Figueirense

1- Denis
26- Diego Renan
3- Cleberson
14- Nogueira
6- João Lucas
5- Zé Antônio
25- Pereira
20- Renan Mota (37- Juninho, aos 29' do 2º tempo)
10- Jorge Henrique (16- João Paulo, aos 45' do 2º tempo)
17- Gustavo Ferrareis
19- Henan (9- André Luis, aos 37' do 2º tempo)

Técnico: Milton Cruz

Banco: 12- Alisson, 13- Eduardo, 36- Matheus Sales, 16- João Paulo, 22- Abuda, 37- Juninho, 11- Felipe Amorim e 9- André Luis.

Gols
CSA: Didira (13' do 1º tempo).

Figueirense: Renan Mota (4' do 1º tempo), Jorge Henrique (7' do 2º tempo), Henan (10' do 2º tempo) e André Luis (Pênalti aos 44' do 2º tempo).

Cartão amarelo
CSA: Niltinho, Roger, Edinho.

Arbitragem
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (CBF/SP);
Auxiliar 1: Anderson José de Moraes Coelho (CBF/SP);
Auxiliar 2: Bruno Salgado Rizo (CBF/SP);
4º árbitro: Rafael Carlos Salgueiro (CBF/AL).



TNH1 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.