Notícias / Alagoas


Imprimir notícia

11/01/2021 06:00 - Atualizado em 11/01/2021 06:04

Iniciado projeto de restauração do mangue próximo a estátua da Miss Sururu

 

Neste domingo, 10 de janeiro de 2021, os ambientalistas Alonso Calheiros Netto e Carlos Almeida guiados pelo pescador Moisés de Oliveira, realizaram a primeira Eco trilha Marginal da Laguna Mundaú (na APA de Santa Rita).

O projeto tem como objetivo o plantio de 200 mudas de Mangue Vermelho (Rhisoflora mangue) na ilha da Miss Sururu e incentivar práticas de gestão ambiental na APA de Santa Rita e CELMM (Complexo Estuarino Mundaú Manguaba).

"Plantar as mudas são apenas um dos passos de nossa ação, conscientizar à população sobre a importância ecológica do ecossistema Mangue, incentivar mutirões de limpeza na orla lagunar, que por sinal está cheia de lixo, plástico, peixes sacolas, resto de sofá e até cama box. Entendermos que a limpeza da Laguna é uma questão de saúde pública, de responsabilidade da Prefeitura, mas também de toda a comunidade e cidadão.”, afirma Carlos Almeida, um dos monitores da brigada ambiental Octávio Brandão.

O restauro da Estátua e equipamento cultural da Ilha da Miss Sururu faz parte do PRAD - Programa de Recuperação de Área Degradada. Gerido pelo Coletivo Enxame Produções Ambientais, Greenpeace Alagoas e Instituto EcoManguaba, em parceria com diversas ONGs, pescadores e Movimento dos Povos da Lagoa.Ambientalistas iniciam o projeto de restauração do mangue ao redor da estátua da Miss Sururu.

Neste domingo, 10 de janeiro de 2021, os ambientalistas Alonso Calheiros Netto e Carlos Almeida guiados pelo pescador Moisés de Oliveira, realizaram a primeira Eco trilha Marginal da Laguna Mundaú (na APA de Santa Rita).

O projeto tem como objetivo o plantio de 200 mudas de Mangue Vermelho (Rhisoflora mangue) na ilha da Miss Sururu e incentivar práticas de gestão ambiental na APA de Santa Rita e **CELMM (Complexo Estuarino Mundaú Manguaba).

"Plantar as mudas são apenas um dos passos de nossa ação, conscientizar à população sobre a importância ecológica do ecossistema Mangue, incentivar mutirões de limpeza na orla lagunar, que por sinal está cheia de lixo, plástico, peixes, sacolas, resto de sofá e até cama box. Entendermos que a limpeza da Laguna é uma questão de saúde pública, de responsabilidade da Prefeitura, mas também de toda a comunidade e cidadão.”, afirma Carlos Almeida, um dos monitores da brigada ambiental Octávio Brandão.

O restauro da Estátua e equipamento cultural da Ilha da Miss Sururu faz parte do PRAD - Programa de Recuperação de Área Degradada. Gerido pelo Coletivo Enxame Produções Ambientais, Greenpeace Alagoas e Instituto EcoManguaba, em parceria com diversas ONGs, pescadores e Movimento dos Povos da Lagoa.


Por MKT e Coletivo Enxame Produções Ambientais 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.