Notícias / Polícia


Imprimir notícia

25/05/2018 07:07 - Atualizado em 25/05/2018 07:09

Júri decide pela condenação de todos os réus do Caso Franciellen

 

Após julgamento que durou quase dois dias, no Fórum de Barro Duro, o júri popular decidiu pela condenação de todos os acusados de matar a jovem Franciellen Araújo Rocha, crime ocorrido em fevereiro de 2013. Vanessa Ingrid da Luz Souza, acusada de ser a mandante do assassinato, foi condenada a 28 anos e 7 meses de prisão. Thiago Handerson Oliveira Santos vai cumprir 27 anos de prisão. Victor Uchôa Cavalcanti foi condenado a 20 anos e 6 meses, Saulo José Pacheco dos Anjos vai cumprir 18 anos. Já Nayara da Silva, julgada por tortura, vai cumprir 3 anos e 2 meses de prisão.

O Conselho de Sentença acatou a tese defendida pelo Ministério Público do Estado de Alagoas, por meio da 49ª Promotoria de Justiça da Capital. A vítima foi convidada para uma festa em um apartamento no bairro Cruz das Almas, em Maceió. No local, ela foi torturada, teve os cabelos cortados com uma faca, as sobrancelhas raspadas e depois levada para outro lugar, onde foi assassinada pelos acusados.

Os réus Vanessa Ingrid da Luz Souza, Thiago Handerson Oliveira Santos e Victor Uchôa Cavalcanti foram acusados de homicídio doloso triplamente qualificado, pelo uso de fogo, crueldade e dissimulação.



TNH1 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.