Notícias / Cultura


Imprimir notícia

08/01/2022 17:32 - Atualizado em 08/01/2022 17:34

Lei Rouanet bate recorde de investimentos para pequenos artistas

 

A cada vez que o secretário de Fomento à Cultura, André Porciúncula, ou que outros membros do atual governo lembram que as ‘tetas da lei Rouanet secaram’, talvez venha à mente da população que não há mais dinheiro para os artistas investirem em seus trabalhos.

É o que tentam fazer parecer os grandes artistas, a cada vez que vêm à público com lamúrias e ataques contra Jair Bolsonaro, garantindo que o presidente deu ordem para ‘destruir a cultura no país’.

Pois Porciúncula acabou de destruir mais esta narrativa, durante entrevista à Jovem Pan News, nesta semana.

Segundo ele, o país acaba de quebrar um recorde de investimentos pela Rouanet

“Ano passado, por exemplo a Lei Rouanet bateu o recorde de todos os tempos, com 1,9 bilhòes de reais investidos. Agora, óbvio, houve uma modificação de prioridade de investimento. Ao invés de bancarmos aqueles shows e eventos em que o teto era de 70 milhões e com capacidade de captação individual de 10 milhões. Então você tinha grandes artistas que faziam farra com a Lei Rouanet”.

Porciúncula revelou ainda que houve aumento de investimentos em patrimônios tombados, resgate de história, museus, patrimônios imateriais e festas populares, deixando de priorizar show e eventos individuais que funcionavam como propaganda política.

“A lei não é para sustentar essa elitezinha oligárquica”, completou o secretário

Vale lembrar que no início do governo Bolsonaro, o teto de captação foi estipulado em R$ 1 milhão e acaba de ser reduzido para R$ 500 mil. Mas novas mudanças já estão em curso e a captação individual deve cair para R$ 3 mil, abrindo espaço para atender milhares de novos e pequenos artistas que buscam uma oportunidade de mostrar trabalho.

Agora que as tetas secam de vez.. imaginem a gritaria dos esquerdopatas ao descobrirem que terão mesmo que trabalhar!


Terra Brasil Notícias 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 1

Carlos Crispim

13/01/2022 às 18:52

Parabéns, continuem assim, tem q desratizar esse país, pena que essas notícias não se espalhem pra todos, mas o povo não é bobo.