25/03/2020 11:26 - Atualizado em 25/03/2020 11:29

Moradores declaram que vereador de Craíbas usa momento como palanque

 

Aguardada por muitos, a MVV iniciou seus trabalhos levando benefícios a toda região do Agreste de Alagoas. Tomando os cuida cuidados exigidos por lei, seguindo as orientações dos órgãos sanitários e sento guiados pelos protocolos humanistas, a Mineração Vale Verde emite nota tranquilizando seus colaboradores, familiares e a população local.

O fato ocorreu devido as declarações, talvez sem conhecimento técnico devido a limitação acadêmica do vereador, publicadas em um Portal de Notícias local, nelas o Edil afirma que a empresa não está tomando os devidos cuidados com seus funcionários, suas declarações podem instiga a histeria entre a população e causar prejuízos incalculáveis. Alguns dos entrevistados pelo Portal Minuto Nordeste não gostou da ação do Camarista que possivelmente será candidato a reeleição. Moradores desconfiam que o motivo das declarações seria apenas para usar o momento como palanque eleitoral.

Leiam a Nota na Integra:

COVID-19: esclarecimento sobre iniciativas que vêm sendo adotadas
Medidas de segurança estão sendo intensificadas junto às contratadas

A Mineração Vale Verde (MVV), tendo a segurança como seu principal valor, reafirma seu compromisso com a saúde dos trabalhadores do Projeto Serrote, seus familiares e as comunidades próximas ao empreendimento.

Os quatro trabalhadores da empresa terceirizada colocados em isolamento domiciliar pelo serviço de saúde público de Craíbas (AL) na última segunda-feira (23) estão em recuperação e seu estado é estável. Nenhum caso do novo coronavírus (COVID-19) foi confirmado entre eles até o momento.

Além das iniciativas tomadas com o objetivo de reduzir as chances de disseminação do COVID 19 (cancelamento de eventos com aglomerações e de viagens não essenciais, transferência de parte dos empregados para trabalhar em casa etc.), a empresa seguirá informando, de forma transparente, qualquer ocorrência às autoridades de saúde competentes e à sociedade civil, como sempre costuma fazer em todas as suas atividades.

Todos os trabalhadores das empresas de construção civil que atuam no Projeto têm recebido orientações e treinamento diário para que, em adição à já usual prática dos equipamentos de proteção individual (EPIs) – como máscara e luvas, que minimizam os riscos de transmissão –, tenham a atenção constante que o momento exige de cada um, dentro e fora da empresa, lavando as mãos com água e sabão, utilizando álcool gel, não compartilhando objetos pessoais e respeitando a distância mínima no refeitório e no transporte que os traz de casa e os leva de volta em segurança, além de manter os locais abertos, limpos e arejados.

Diante das denúncias das quais a MVV tem sido vítima nas redes sociais, a empresa vem a público reiterar que vem obedecendo estritamente a todos os protocolos das autoridades governamentais e seguindo as melhores práticas e recomendações dos profissionais de saúde, especializados no tema.
Precisamos, mais do que nunca, estar juntos para superar este grande desafio.

SOBRE A APPIAN
Desde 2018, 100% do capital da MVV pertence a um fundo de investimentos administrado pela Appian Capital Advisory LLP focado em mineração. O fundo também possui um ativo no Brasil no município de Itagibá (BA), denominado Atlantic Nickel, tendo foco na produção de concentrado de níquel sulfetado, com capacidade nominal de 120 mil toneladas/ano e que voltou a operar em janeiro de 2020. Sediada em Londres, a Appian possui ainda escritórios em países como África do Sul e Canadá.


MVV - Mineração Vale Verde