Notícias / Polícia


Imprimir notícia

22/08/2018 10:51 - Atualizado em 22/08/2018 10:54

Polícia Federal deflagra nova operação para combater crimes previdenciários

 

As cidades de Santana do Ipanema, Palmeira dos Índios, Teotônio Vilela, Junqueiro e de Cacimbinhas estão sendo alvos de uma operação deflagrada pela Polícia Federal, na manhã desta quarta-feira (22) contra crimes previdenciários.

Na ação, denominada de Operação Cacimba, os agentes da PF cumpriram cinco mandados de busca e apreensão contra acusados de aplicar golpes no INSS. No mês passado, a PF também efetuou uma operação contra crimes previdenciários, onde uma servidora do órgão e um advogado foram apontados no esquema que resultou em um prejuízo de mais de R$ 1 milhão.

Nesta nova operação, de acordo com a PF, os acusados responderão pelos crimes previstos no art. 171, § 3º (Estelionato Qualificado) e no art. 288 (Formação de Quadrilha), ambos do Código Penal Brasileiro. As penas podem chegar a 10 (anos) de prisão.

O nome dado à Operação refere-se ao município brasileiro de Cacimbinhas do Estado de Alagoas que teve origem no Sítio Choan, onde caçadores vindos de Pernambuco acampavam. Próximo ao sítio havia uma cacimba (poço) junto a um pé de limoeiro. Com o movimento das pessoas que paravam para descansar no local, outras cacimbas foram abertas, daí o nome Cacimbinhas.



Cada Minuto 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.