Notícias / Alagoas


Imprimir notícia

12/03/2018 22:33 - Atualizado em 12/03/2018 22:35

Sem Rui, Rodrigo Cunha e Alfredo Gaspar surgem no cenário

 

Em terras de bois de ouro a renovação pode surgir. Com a desistência de Rui Palmeira uma lacuna se abre e quem não está preso aos grandes curais eleitoreiros busca novos nomes para a disputa ao cargo de governador.

O gado de barro precisa ser carregado, regado a contra gotas e levado ao sol. Sem movimentação muscular ou cerebral seguem as velhas praticas politicas existentes no estado deixando ser dominados pelas mesmas mãos que os maltratam.

Com uma oposição morna, uma densa névoa surgiu atrapalhando o cenário, mas com a desistência de Rui novos ventos oxigenam o pleito. Quem poderia estar apito a disputa? Dois nomes surgem com sol desvirginando as trevas.

Rodrigo Cunha e Alfredo Gaspar somam adeptos a cada dia, suas historias mostram a aqueles que os seguem a nova fórmula de se fazer politica. Nasce neste momento a possibilidade de renovação na cadeira do executivo de Alagoas? As cartas estão na mesa e o jogo só está começando.


Por Genival Silva 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 1

JEFFERSON GOMES DOS SANTOS

13/03/2018 às 17:48

Alfredo Gaspar tem meu voto e de meus familiares, seja qualquer pleito pretendido presidente, governador ou senador para onde ele for tem meu apoio e de todo Alagoano responsável.