21/07/2020 08:17 - Atualizado em 21/07/2020 08:21

Serra é alvo de nova operação da PF, que inclui a prisão do dono da Qualicorp

 

O senador José Serra (OSDB-SP) é alvo outra vez de nova operação da Polícia Federal que cumpre mandados nesta terça-feira (21), em investigação sobre suposto caixa 2 de sua campanha ao Senado em 2014.

São cumpridos quatro mandados de prisão temporária, inclusive contra o empresário José Seripieri Júnior, controlador da Qualicorp, grupo que comercializa e administra planos de saúde coletivos.

O dono da Qualicorp é muito ligado aos tucanos: um filho do então governador Geraldo Alckmin morreu durante queda de um helicóptero de sua propriedade.

Trata-se de nova fase da Lava Jato que apura crimes eleitorais e é feita em conjunto com o Ministério Público Eleitoral (MPE). O senador é acusado de receber R$5 milhões em doações não contabilizadas.

As apurações se restringem a fatos de 2014, quando ele ainda não tinha o mandato de senador.

São cumpridos também 15 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Brasília, Itatiba e Itu. Também foi determinado pelo juiz da 1ª Zona Eleitoral o bloqueio judicial de contas bancárias dos investigados.


Diário do Poder