Fortaleza

Câmara Municipal de Fortaleza instala CPI dos transportes por aplicativo

camara-municipal-de-fortaleza-instala-cpi-dos-transportes-por-aplicativo
Câmara Municipal de Fortaleza instala CPI dos transportes por aplicativo

A Câmara Municipal de Fortaleza instalou uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) dos transportes por aplicativo. O procedimento foi criado oficialmente nesta quarta-feira (5).

>>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

O corpo técnico escolhido para dar assistência aos trabalhos legislativos é formado pelos vereadores Márcio Martins (União) como o presidente, Carlos Mesquita (PDT) como o vice-presidente e Luciano Girão (PDT) como o responsável por fazer a relatoria.

Além dos três integrantes que irão direcionar o andamento da CPI, fazem parte dela os parlamentares Marcelo Lemos (Avante), Dr. Vicente (PT), Inspetor Alberto (PL) e Cônsul do Povo (PSD). Por conta da licença de Alberto, quem ocupa seu lugar é a suplente em exercício Andreza Matos (União).

A justificativa para a instalação da CPI é baseadas em problemas como evasão de tributos, que tem gerado ônus ao Município; a relação dos motoristas cadastrados nas plataformas digitais que atuam na cidade de Fortaleza, as desvantagens ao motorista “parceiro”, com descredenciamento e outras punições de forma arbitrária, a qualidade da prestação do serviço que caiu e o aumento do preço cobrado aos usuários.

>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

CPI dos transportes por aplicativo é instalada na Câmara

Ao ser eleito presidente, o vereador Márcio Martins reforçou que o colegiado vai trabalhar para contribuir com a melhoria do transporte de pessoas por aplicativo na cidade de Fortaleza.

“Qual o grande propósito dessa CPI? É simplesmente conversar com o fortalezense, se esse serviço caiu, se ele piorou ou não piorou. Vale lembrar que em 2017, o serviço por aplicativo era um carro novo, climatizado, limpo, com uma balinha, que oferecia até água. E hoje nós estamos vendo que o serviço está começando a ficar sucateado. A culpa é dos motoristas por aplicativo ? de forma nenhuma. Esses querem sempre ofertar o seu melhor. A culpa é da ganância das multinacionais, que ficam com margens absurdas, desumanas”, aponta.

Leia também | Inscrições para o Enem 2024 terminam nesta sexta-feira (7)

>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

 

 

Fonte: gcmais.com.br