Ceará

Eletricista morre após carro cair em lago ao ser atingido por veículo de luxo; motorista é preso

eletricista-morre-apos-carro-cair-em-lago-ao-ser-atingido-por-veiculo-de-luxo;-motorista-e-preso
Eletricista morre após carro cair em lago ao ser atingido por veículo de luxo; motorista é preso

Um eletricista que prestava serviços para uma empresa parceira da Enel Distribuição Ceará morreu afogado, na tarde desta terça-feira (21), após o carro em que ele estava ter caído em um lago depois de ter sido atingido por um veículo de luxo em fuga de uma equipe da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), na localidade da Lagoa do Catu, em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza. O motorista do carro causador do acidente acabou preso.

>>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

De acordo com informações preliminares, o motorista de uma Hilux que trafegava com os pneus furados próximo ao posto da PRE passou a ser perseguido pelos agentes e, durante o acompanhamento tático, o condutor colidiu com dois veículos.

Um dos veículos atingido era de uma empresa terceirizada da Enel onde estava um eletricista. Com a força do impacto da batida, o automóvel caiu no lago próximo ao Rio Catu e não conseguiu sair a tempo vindo a se afogar. O corpo da vítima, que ainda não foi identificada, foi retirado da água com a ajuda dos bombeiros.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

O motorista do carro de luxo envolvido no acidente estava com uma arma que foi apreendida. Ele foi preso e colocado à disposição da Justiça.

Empresa lamenta morte de eletricista afogado em lago após se atingido por veículo de luxo

Em nota, a Enel Distribuição Ceará lamentou a morte do eletricista e esclareceu que ele trabalhava para uma empresa terceirizada.

A empresa informou ainda que enviou equipes ao local para dar apoio e reforça que o eletricista não realizava atividades de trabalho durante o acidente. A empresa esclarece ainda que acompanha o caso junto da parceira.

 Leia também | Bebê nasce dentro de ônibus em Fortaleza; veja vídeo

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

 

Fonte: gcmais.com.br