Fortaleza

Homem invade e furta clínica para crianças com autismo em Fortaleza

homem-invade-e-furta-clinica-para-criancas-com-autismo-em-fortaleza
Homem invade e furta clínica para crianças com autismo em Fortaleza

Câmeras de segurança instaladas em uma clínica para crianças com autismo flagraram o momento em que um homem invade e furta objetos de valor de dentro do local, em Fortaleza. O estabelecimento fica localizado no bairro Cidade dos Funcionários, na Rua Cônego Braveza, e o crime foi registrado no último domingo (26), por volta das 6h da manhã.

Nas imagens, é possível ver o momento em que ele chega em uma bicicleta, pula o cercado e entra no complexo. O homem aparenta já saber que o local está totalmente vazio, indicando que possivelmente já conhecesse a rotina da clínica. Ele vai, então, diretamente para o local onde ficam os equipamentos mais caros, e retira notebooks e outros itens de valor, antes de sair do local na mesma bicicleta em que chegou.

Leia mais | Veículo com atiradores que assassinaram suplente de vereador veio do Rio Grande do Norte

>>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

Homem invade e furta clínica para crianças com autismo 

Conforme Rafaela Páscoa, diretora do espaço, o prejuízo total fica entre R$ 9 mil e R$ 10 mil. “Não é a primeira vez que nós somos alvos desse tipo de situação, mas a gente pede para as autoridades é o reforço da segurança, porque muitas vezes as nossas mães estão descendo dos seus carros com crianças e pessoas passam e acabam levando seus pertences pessoais”, conta ela.

“Entraram no nosso complexo de atividades, onde a gente tem atividades extraclínicas. São atividades como lanchonete, nós temos uma escolinha de programação para as crianças, e foram os computadores dessa escolinha que foram furtados. Juntamente com eles, foram levados também os acessórios de computadores. Sorte nossa que nem todos os computadores estavam na sala, estavam apenas três computadores, que foram os últimos utilizados na sexta-feira. Foi um prejuízo menor por razão disso. Se estivessem todos, certamente ele teria levado todos, porque são notebooks, então notebook é fácil de você levar para qualquer local. Acreditamos que deve ser alguém que acompanha o fluxo da rua no final de semana, normalmente sábado e domingo realmente a rua não tem movimentação nenhum, normalmente só estamos aqui aos sábados trabalhando mais a parte de manutenção, então acredito que nessas observações ficou fácil de identificar os dias que tem gente ou não tem gente no local.” Rafaela Páscoa, diretora da clínica furtada

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

Fonte: gcmais.com.br