Ceará

Câmera flagra assalto a posto de combustíveis em Maracanaú, na Grande Fortaleza

camera-flagra-assalto-a-posto-de-combustiveis-em-maracanau,-na-grande-fortaleza
Câmera flagra assalto a posto de combustíveis em Maracanaú, na Grande Fortaleza

Dois homens foram flagrados efetuando um assalto a um posto de combustíveis no município de Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), na madrugada do último domingo (26). A ação foi registrada por uma câmera de segurança instalada no local.

Durante a ocorrência, dois homens chegaram em uma motocicleta, com o indivíduo que estava na garupa tendo descido para realizar o roubo. Nas imagens, é possível ver o momento em que ele anuncia o assalto, rendendo o frentista e levando uma quantia em dinheiro. Em seguida, ele ainda leva o aparelho celular de um cliente que estava sendo atendido, no local.

Leia também | Polícia Federal deflagra operação contra pornografia infantil no Cariri, no interior do Ceará

>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

O assalto aconteceu em um posto de combustíveis que fica na rodovia CE-065, no bairro Jabuti, em Maracanaú. O roubo aconteceu de madrugada, por volta das 3h20 – o estabelecimento funciona 24 horas.

A equipe de reportagem da TV Cidade Fortaleza chegou a conversar com pessoas que trabalham no local, que preferiram não se identificar. Disseram que não têm muitas informações sobre o ocorrido, mas comentam que o local é perigoso e que os assaltos acontecem com certa frequência, principalmente durante a noite. Pontuam ainda que os dois homens que efetuaram a ação criminosa são suspeitos de terem praticado ainda outros assaltos no município.

>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Em nota, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) informa que apura as circunstâncias de um roubo e reforça a importância do registro de Boletim de Ocorrência (BO), por meio do qual podem ser repassadas informações que contribuam para a elucidação do caso. O Boletim de Ocorrência pode ser registrado presencialmente, em qualquer unidade da PCCE, ou por meio da Delegacia Eletrônica (Deletron), disponível no site www.delegaciaeletronica.ce.gov.br, a qualquer hora do dia ou da noite. O caso é investigado pelo 28º Distrito Policial (28º DP) da Polícia Civil.

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

Fonte: gcmais.com.br