Fortaleza

Prefeitura lança Movimento Fortaleza Limpa e projeto Recicla Mais

prefeitura-lanca-movimento-fortaleza-limpa-e-projeto-recicla-mais
Prefeitura lança Movimento Fortaleza Limpa e projeto Recicla Mais

A prefeitura lançou nesta quinta-feira (9) duas iniciativas ambientais: o Movimento Fortaleza Limpa e o projeto Recicla Mais. O objetivo, segundo a administração municipal, é criar uma mobilização de todos os setores da sociedade para a construção de uma cidade mais limpa.

O lançamento dos programas aconteceu na Lagoa da Messejana, contando com a presença do prefeito José Sarto e também de gestores, empresários, técnicos e agentes de mobilização, que vão ficar responsáveis pelas ações do movimento, que visa contribuir para a destinação correta do lixo da cidade.

>>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

O programa Fortaleza Limpa será uma ação conjunta, que inclui os caminhões de coleta de recicláveis e videomonitoramento, além de ampliação do número de ecopontos, de bairros atendidos pelo Re-Ciclo, de lixeiras subterrâneas e de agentes de limpeza. A partir deste mês, aproximadamente 10 mil colaboradores da iniciativa devem ir às ruas para realizar ações de educação, fiscalização e limpeza urbana no município.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

A Prefeitura também vai utilizar câmeras de videomonitoramento com tecnologia de identificação automática de descarte inadequado de resíduos em áreas públicas. Além disso, 60 ciclomonitores estarão executando ações educação ambiental e fiscalização, monitorando pontos de lixo, identificando infratores e acionando a Agefis quando necessário.

Movimento Fortaleza Limpa: Projeto Recicla Mais

Entre as inicitivas que compõem o movimento está o projeto Recicla Mais, voltado para a coleta seletiva em condomínios residenciais, visando aumentar os índices de reciclagem na capital cearense. O serviço vai operar, nesta primeira fase, com 7 caminhões em 11 bairros de Fortaleza.

A princípio, a ação vai ser implementada apenas nos bairros Meireles, Aldeota, Cocó, Messejana, Curió, Guajeru, Coaçu, São Bento, Paupina, Ancuri e Parque Santa Maria.

Aderindo ao Recicla Mais, os condomínios podem ser bonificados em dinheiro, de acordo com o volume dos resíduos coletados, ou podem ainda doar o material para associações de catadores, gerando renda para essa comunidade. Para aqueles que optarem pelo benefício em dinheiro, o valor vai ser pago pela empresa recicladora parceira do projeto.

Serão coletados somente materiais recicláveis: papel, plástico, metal e vidro. Os itens devem estar separados de outros resíduos e livres de restos de comida e rejeitos.

Como participar

Para participar do Recicla Mais, basta acessar a plataforma online do projeto e fazer o pré-cadastro do condomínio. O responsável pelo cadastro receberá um e-mail com a confirmação do cadastro e as orientações quanto à separação dos recicláveis e ao agendamento da coleta.

As coletas serão realizadas semanalmente, nos dias e turnos informados no e-mail de confirmação do cadastro.

Leia também | Disque-Denúncia da SSPDS tem aumento de 61% nas ligações recebidas no primeiro quadrimestre de 2024

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Fonte: gcmais.com.br