Ceará

Diretor de presídio no Ceará é preso por facilitar entrada de celulares

diretor-de-presidio-no-ceara-e-preso-por-facilitar-entrada-de-celulares
Diretor de presídio no Ceará é preso por facilitar entrada de celulares

Um diretor-adjunto da Unidade Prisional Clodoaldo Pinho foi preso por suspeita de facilitar entrada de aparelhos celulares e outros materiais ilícitos na unidade. Ele foi capturado em uma operação efetuada pela Secretaria da Administração Penitenciária e Ressocialização do Ceará (SAP).

O policial penal Antônio Weiber Rodrigues da Silva é suspeito de participar de uma quadrilha, que estaria pondo em prática o esquema. Ele agora está sob responsabilidade da Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança (CGD).

Diretor de unidade prisional é preso no Ceará

Além dele, durante a ação, também foram cumpridos mandados de busca e apreensão em endereços de outros alvos da operação, que supostamente participavam da quadrilha.

A operação contou com o apoio do Grupo de Apoio Penitenciário (GAP) da SAP, de policiais penais plantonistas e foi executada de maneira integrada com a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) e a Delegacia de Assuntos Internos da CGD.

Advogada

No último mês, em 18 de abril, uma advogada foi presa em flagrante em um presídio, na Grande Fortaleza, portando um bilhete que continha orientações sobre tráfico de drogas, repassadas pelo detento que ela representava. A defesa da advogada contesta a autuação por integrar organização criminosa e associação para o tráfico, considerando-a “desproporcional”.

A Secretaria da Administração Penitenciária e Ressocialização do Ceará (SAP) confirmou, em comunicado, que “a advogada Valner Krislane Procópio dos Santos foi flagrada pela polícia penal plantonista da Unidade Prisional Professor José Jucá Neto – UP Itaitinga 3, portando um bilhete com anotações de conteúdo criminoso, relacionadas a valores e instruções sobre tráfico de drogas”.

Leia também | Cearense desaparecido em Alagoas é encontrado em clínica de reabilitação

>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Fonte: gcmais.com.br