Ceará

Dois homens são presos suspeitos do crime de latrocínio de policial militar em Maranguape

dois-homens-sao-presos-suspeitos-do-crime-de-latrocinio-de-policial-militar-em-maranguape
Dois homens são presos suspeitos do crime de latrocínio de policial militar em Maranguape

Dois homens foram presos suspeitos de cometerem o crime de latrocínio contra um policial militar, de 58 anos, ocorrido em agosto do ano passado, em Maranguape, no Ceará. Os indivíduos, um de 19 anos e outro de 18 anos, foram capturados mediante o cumprimento de dois mandados de prisão preventiva por meio da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE).

O suspeito de 19 anos possui uma ficha criminal extensa, com antecedentes por homicídio doloso, roubo a pessoa, e atos infracionais semelhantes a lesão corporal dolosa, ameaça, receptação e roubo a pessoa. Já o indivíduo de 18 anos é conhecido por envolvimento em casos de roubo, além de atos infracionais relacionados a roubo, furto e injúria.

>>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

A ação policial foi conduzida pela 11ª Delegacia do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), juntamente com o Núcleo de Inteligência (NUIP) do DHPP. As investigações levaram à identificação e reconhecimento dos suspeitos por meio de imagens, o que culminou na emissão dos mandados de prisão preventiva.

Os indivíduos já estavam detidos por força de um mandado de prisão temporária, que foi convertido em prisão preventiva após o término das investigações conduzidas pelo DHPP. Além disso, em decorrência das diligências, a polícia conseguiu apreender a motocicleta utilizada no crime, que estava em posse da companheira do suspeito de 18 anos, resultando na sua prisão em flagrante por receptação dolosa.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

As investigações prosseguem para identificar possíveis cúmplices e esclarecer todos os detalhes do ocorrido em agosto de 2023, em Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza.

José Elias Severo da Silva, de 57 anos, morreu após ser baleado no Bairro Outra Banda. A vítima foi socorrida para uma unidade de saúde, mas não resistiu e foi a óbito.

O militar ingressou nas fileiras da Polícia Militar no dia 3 de fevereiro de 1986. Desde então, desempenhou seu trabalho em prol da segurança do povo cearense. Atualmente, o militar estava na reserva remunerada. A SSPDS e todas as suas vinculadas, em especial a PMCE, se solidarizam com a família e amigos do policial.

Leia também | Capitão da Polícia Militar é executado a tiros em Maranguape

>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Fonte: gcmais.com.br