Fortaleza

Dupla ataca homem com chave de fenda em barraca na Beira-Mar, em Fortaleza

dupla-ataca-homem-com-chave-de-fenda-em-barraca-na-beira-mar,-em-fortaleza
Dupla ataca homem com chave de fenda em barraca na Beira-Mar, em Fortaleza

Um homem de 30 anos foi atacado por outros dois indivíduos com uma chave de fenda na madrugada desta quinta-feira (16), enquanto estava em uma barraca de praia na avenida Beira-Mar, na altura do bairro Mucuripe, em Fortaleza. A Polícia foi acionada ao local e realizou a prisão de um suspeito.

De acordo a Polícia Militar, uma composição do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) fazia patrulhamento de rotina na região quando foi chamada para atender a ocorrência. No local, a vítima informou aos PMs as características dos dois suspeitos. Ele ainda mostrou imagens de câmeras de segurança, que flagraram o momento, para ajudar na identificação da dupla.

>>>Clique aqui para seguir o canal do GCMAIS no WhatsApp<<<

Um suspeito foi capturado próximo ao local, portando a chave de fenda, enquanto o outro conseguiu fugir. A PM não informou qual teria sido a motivação do crime.

Erivaldo Ferreira Sousa, de 29 anos, foi encaminhado ao 2º Distrito Policial (2º DP), onde foi autuado por tentativa de homicídio. Em audiência de custódia realizada na manhã desta quinta, ele teve a prisão preventiva decretada.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Homem atacado com chave de fenda em Fortaleza

Em nota, a Polícia Militar do Ceará informou que o segundo suspeito não foi capturado e encontra-se foragido. As diligências prosseguem em busca dele.

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85)3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

Leia também | Policial aposentado da PRF tenta matar a esposa e em seguida tira a própria vida

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Fonte: gcmais.com.br